logotipo micro logotipo m?dio logotipo max Dúvidas? Contacte-nos: logos@logoslogotipos.com.pt/912 138 283

Dinâmica, Ênfase e Contraste – Parte III

by João Alexandre on November 2, 2011

in Teoria geral

Dinâmica, Ênfase e Contraste – Parte III


Veja aqui Dinâmica, Ênfase e Contraste – Parte II

O contraste é utilizado para criar e manter o interesse visual, da mesma forma que o tom e a entoação acrescentam interesse ao discurso. Sem contraste, a comunicação gráfica tornar-se-ia maçadora e desinteressante, com pouco para atrair a atenção ou manter o interesse. O contraste baseia-se em opostos visuais ou diferenças para enfatizar, diferenciar, criar competitividade, atrair e alterar o ritmo do leitor.

Pode ser tanto quantitativo como qualitativo, óbvio ou subtil. A sua utilização deve ser sempre pensada em relação directa com o conceito e o design como um todo. Como existem poucas limitações às áreas em que o contraste pode ser utilizado, pode ser útil procurar inicialmente potencial dentro dos principais grupos de ênfase (tamanho, cor, valor e disposição).

Os opostos visuais quotidianos (ruidoso e silencioso, quente e frio, equilíbrio e movimento) também podem ser uma fonte de inspiração para o contraste gráfico. Para ser eficaz, o contraste deve ser apropriado ao conceito e estar intimamente ligado à ênfase. O seu uso exagerado pode resultar numa falta de concentração no design, em que os elementos lutam pela atenção do leitor e em que o olhar é conduzido em diferentes direcções.

Posts relacionados:

  1. Dinâmica, Ênfase e Contraste – Parte II
  2. Dinâmica, Ênfase e Contraste – Parte I

Leave a Comment

Previous post:

Next post:

(additional scripts)